Connection Information

To perform the requested action, WordPress needs to access your web server. Please enter your FTP credentials to proceed. If you do not remember your credentials, you should contact your web host.

Connection Type

DO BIG BANG AO BIG DATA

 em Doc. Eletrônico

Ninguém tem dúvida que nós estamos – até o último fio de cabelo – na Era da informação.  Se em 1453 o Papa levou 40 anos para saber da tomada de Constantinopla pelos turcos, hoje a informação pode chegar antes mesmo do fato ocorrer… quer um exemplo? O sujeito liga o computador e começa a receber anúncios de teste de gravidez, desconfiado, olha pra mulher e pergunta: Querida você tem algo pra me contar? É isso mesmo atônito leitor, o navegador pode saber das coisas antes do que nós! Essa história é verdadeira, deu na imprensa. (Wall Street Journal- 14/12/12)

                Assim, ao visto nada mais passa despercebido pelo pesadelo do rastreamento de informações na web, que é descarado e deixou o “big brother” de George Orwell obsoleto, já que neste eram somente imagens e naquele são todos os nossos hábitos de vida. Os termos de uso de navegadores, sites sociais, serviços de emails e outros – que ninguém lê – deixam muito claro que não existem bits grátis. O Google, por exemplo, prevê que todo o material enviado ao site é concedido à empresa e ela pode “usar, hospedar, armazenar, reproduzir, modificar, criar obras derivadas, comunicar, publicar, executar e exibir publicamente e distribuir tal conteúdo…”

                Acontece que o reflexo pela ânsia da coleta de informações, sua disponibilização e seu uso desmedido, ao que parece está gerando uma epidemia, vejam notícias:

               Alguns tribunais de justiça simplesmente não aceitam petições com mais de 20 páginas. Tudo bem que advogado gosta de escrever – e que agora soma-se ao copia e cola também – mas daí para restringir o tamanho da petição e por conseguinte, provocar o cerceamento do direito constitucional da ampla defesa, já revela uma verdadeira “síndrome do pânico da informação” dos juízes.

                Segundo estudos acadêmicos nas empresas a cada 3 minutos em média há uma interrupção por informação pululando de todos os gadjets. A coisa esta começando a causar prejuízo e manter o foco esta cada vez mais difícil. Faça você leitor um teste, veja quantas vezes foi interrompido ao ler esta crônica, alias será que você vai conseguir lê-la até o fim?

                Nas instituições de ensino os alunos não querem mais usar livros – só o “doutor Google” – que dá respostas rápidas e pontuais, pois, afinal eles não têm tempo! Aliás, não tem mais tempo nem para prestar atenção no professor, pois a informação que pipoca na sua máquina não deixa!

                O Big Bang é o da informação,  que esta parindo o Big Data, que tal qual o Jurassic Park de Spielberg nos evoca os piores pesadelos…

                

Últimos posts

Deixe um comentário

Comece a digitar e pressione Enter para buscar